Compartilhe experiências, não seja neurótico!

Navebook

Navebook

Navebook é um blog contendo informações sobre Produtividade e Alta Performance, que oferece artigos direcionados a estes temas, com foco principal no trabalho. Todo o conteúdo é produzido e organizado para você, leitor. Aproveite, participe e deixe-nos a sua opinião.

Você costuma conversar sobre suas experiências, ou fica “matutando” sozinho sobre elas? É importante saber que compartilhar pensamentos, experiências e até mesmo dúvidas, faz com que você ajude e seja ajudado.

O compartilhamento de experiências pode ser encarado de duas formas, a primeira é um processo natural de socialização, a segunda é um método interessante de aprendizado.

Algumas pessoas costumam guardar seus sentimentos para si como forma de autopreservação. Mas, não seja neurótico, compartilhe experiências e aprenda a viver melhor com o mundo.

O ser humano, em sua essência básica, é um comunicador, ou seja, é aquele que compartilha as suas experiências. Ir contra isso é o mesmo que tentar combater a própria respiração. A comunicação é a base fundamental da troca de informação, desde as pinturas rupestres a criação da internet, a troca de experiências faz parte do amago do que é ser humano. É do compartilhamento que aprendemos sobre tudo.

 

Compartilhe experiências para aprender crescer na vida profissional e pessoal

Compartilhe experiências porque isso vai contribuir diretamente para o seu crescimento profissional e pessoal.

Quanto você consegue expor suas dúvidas e anseios, não está demonstrando fraqueza. Pelo contrário. Está mostrando que é humilde para admitir que precisa de ajuda e alguém mais experiente tem a opção de ajudar.

Olhando para o outro lado da moeda, compartilhar experiências para instruir alguém pode melhorar diversas habilidades. Seja a de explanação – ao transferir o conhecimento a outro – como a habilidade de liderança, são potencializados quando você mostra que é capaz de sanar a dúvida de outra pessoa.

Na vida pessoal, a sua experiência pode fazer a diferença na vida de outro. Saber como agir, o que fazer e como enfrentar determinadas situações é extremamente difícil às vezes. E você pode contribuir com isso dizendo como você lidou com a situação.

Compartilhe experiências porque é um método que acaba resultando no autoconhecimento. Quando você fala sobre suas vivências acaba detectando habilidades que você nem sabia que possuía.

 

A importância do compartilhamento de experiências em nosso meio social

compartilhe experiencias2

  • Aprendizado: Já mencionado anteriormente, o aprendizado anda lado a lado com o compartilhamento de experiência. Veja bem, um professor que fica diante de trinta alunos está praticando do ato nobre de compartilhar conhecimento, a sua experiência de vida, baseada em estudos, e será a base da educação de mais pessoas. Este, por sua vez, já foi um aluno, portanto o processo constante de compartilhamento de experiência é o que mantem a sociedade ativa, sempre em constante evolução.
  • Trabalho: No trabalho o compartilhamento de informações e experiências é substancial para o trabalho em equipe, companheiros de profissão que evitam conversar não possuem capacidade para oferecer para a empresa o que eles possuem de melhor. A troca de conhecimentos é a ferramenta perfeita para desenvolver projetos em grupo.
  • Tratamento: A famosa roda de depoimentos, famosa nos alcoólatras anônimos, é parte da essência do compartilhamento de experiência. Ao contar as mazelas da vida nós nos expomos, de forma vulnerável, para que a carga de sensações ruins se desfaça; compartilhar experiências em situações como essa é o mesmo que dividir um fardo com alguém. Muitas vezes as pessoas só precisam conversar com alguém para poder se sentir melhor.
  • Socialização: Tudo começa com uma conversa, amizades, namoros e encontros casuais, compartilhar experiência é viver como um ser humano normal. Por mais que isso já tenha sido abordado, é sempre importante ressaltar a importância da conversação, é natural do ser humano querer conviver em sociedade, não só porquê ter uma companhia é agradável, ter companheiros com quem conversar é manter a segurança. Um grupo é sempre mais forte do que o indivíduo solitário.

Gostou do conteúdo? Compartilhe e Siga-nos!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram