10 passos para criar ótimos relacionamentos no trabalho

Navebook

Navebook

Navebook é um blog contendo informações sobre Produtividade e Alta Performance, que oferece artigos direcionados a estes temas, com foco principal no trabalho. Todo o conteúdo é produzido e organizado para você, leitor. Aproveite, participe e deixe-nos a sua opinião.

Em todas as situações de nossa vida estamos nos relacionando com pessoas. Relacionamentos podem ser familiares, de amizade, amorosos ou profissionais. Embora nenhum tipo de relacionamento seja simples, o relacionamento profissional pode ser considerado um dos mais complexos. Isso porque na maior parte das vezes, independente de ter afinidade ou não, admirar ou não o colega de trabalho, dentro do mundo corporativo precisamos aprender a conviver em paz e em harmonia, e desenvolver um ótimo relacionamento no trabalho, para que seja possível desenvolver-se de forma produtiva e com qualidade. Para guiá-los nesse processo, listamos 10 passos que ajudam a criar, desenvolver e manter ótimos relacionamentos no ambiente corporativo:

1. Gentileza gera gentileza: trate as pessoas como gostaria de ser tratado. Seja educado, gentil e prestativo. Traga sempre um sorriso sincero no rosto. Atitudes simples como a forma de cumprimentar, de solicitar uma tarefa, o tom de voz, palavras básicas como “por favor” e “obrigado”, oferecer um café e lembrar do dia do aniversário dos colegas, são determinantes para cultivar e manter um relacionamento agradável e amigável, desenvolvendo um clima de cooperação, harmonia e confiança. A gentileza aproxima as pessoas e facilita os relacionamentos.

2. Respeito: a sua liberdade termina onde começa a liberdade do outro. Analise se existe a possibilidade de algum hábito seu estar incomodando os colegas de trabalho: falar alto ao telefone, fumar em locais comuns, ouvir música alta, utilizar perfume muito forte ou deixar o celular emitindo sinais de aviso de mensagem em volume alto podem ser exemplos de ações que, por serem rotineiras e estarem incorporadas ao seu estilo de vida, muitas vezes passam desapercebidas para você, mas podem estar incomodando o colega de trabalho. O respeito é primordial para o desenvolvimento de qualquer parceria profissional sólida e duradoura. Procure sempre se colocar no lugar do outro. Equipes que se respeitam desenvolvem um ambiente harmonioso que facilita a produtividade.

3. Saber ouvir: a maior parte das pessoas gosta de expor os seus problemas e buscar com os colegas ajuda e conselhos. Muitas vezes, pedimos o auxilio de uma colega de trabalho para um assunto pessoal. Agora, o que acontece quando o papel é inverso e você precisa escutar um problema? Você está sempre disposto? Muitas vezes não. E não é por mal, mas é que o volume de trabalho, o prazo curto para a entrega de um projeto ou a preocupação com o atingimento da meta do mês, muitas vezes fazem com que tenhamos o hábito de evitar ouvir assuntos que não dizem respeito a tarefa que estamos executando no momento. Porém, muitas vezes é necessário deixar as tarefas profissionais de lado por alguns minutos para ouvir e auxiliar um colega que esteja enfrentando problemas pessoais. Para o seu mundo, o problema pode não significar nada. Mas para quem está passando pelo problema, você pode estar ajudando muito apenas ouvindo. E pode estar construindo um relacionamento de cumplicidade. Essa pessoa não pensará duas vezes quando precisar auxiliá-lo em uma tarefa profissional.

4. Bom humor: um sorriso muda qualquer ambiente de trabalho, por mais tenso que o dia a dia possa estar. E reflete na produtividade das pessoas. Profissionais bem humorados costumam lidar melhor com as dificuldades e imprevistos empresariais. Além disso, contribuem para manter o ambiente de trabalho menos estressante e criar um clima agradável.

5. Tenha iniciativa: ter iniciativa é dar o primeiro passo em uma ação ou tarefa. A iniciativa é uma caracteristica relacionada a proatividade e pode ser necessária em várias situações: para elogiar, reclamar, corrigir, mudar, informar, argumentar e até mesmo para fortalecer um relacionamento no trabalho.

trabalho em equipe
6. Seja flexível: trabalhar com pessoas que pensam e agem de forma similar a nossa é fácil, porém trabalhar com pessoas de hábitos, ideias e estilos diferenciados pode ser mais complexo. E aqui entra a necessidade de sermos flexíveis e incentivarmos a diversidade dentro das corporações, minimizando conflitos e mal entendidos. E se por acaso você perceber que agiu indevidamente em alguma situação, peça desculpas.

7. Foque na produtividade: tudo pode acontecer dentro do ambiente de trabalho. Muitas vezes, não faltam comentários irrelevantes ou conversas sobre assuntos não pertinentes as atividades corporativas. Mas o seu foco deve ser o resultado do seu trabalho e a sua produtividade. É preciso habilidade para não se envolver nos assuntos paralelos, porém manter o bom relacionamento. A postura correta dentro da empresa é uma das bases para a produtividade.

8. Feedback: saber dar e receber feedback é fundamental para um bom relacionamento. Ninguém é perfeito, nem mesmo o profissional mais bem preparado, por isso que acertos sempre são necessários para que o outro entenda o que você espera dele, e vice versa. É preciso conseguir falar o que não agradou e também treinar a receptividade para conseguir receber uma crítica. Entenda que não é pessoal, é apenas uma pontuação profissional. Desenvolver o feedback construtivo é fundamental para criar ótimos relacionamentos e evitar mal-entendidos.

9. Seja um solucionador de problemas: evite reclamar dos imprevistos no dia a dia corporativo. Ao deparar-se com um problema, busque a forma mais pratica, rápida e adequada para solucioná-lo. A solução deve ser o seu foco. Todos preferem trabalhar com pessoas que possuem a habilidade de resolver imprevistos. Estabeleça isso para a sua vida profissional.

relacionamentos no trabalho
10. Desenvolva a etiqueta empresarial: nada mais é do que ter noções básicas do comportamento adequado e ético no ambiente corporativo. Uma postura adequada facilita o relacionamento com os colegas e também o crescimento profissional. No mundo corporativo atual considera-se que não é apenas o conhecimento técnico e a competência que determinam a evolução do profissional. São os individuos que apresentam habilidades para criar e desenvolver relacionamentos com facilidade que encontram mais oportunidades na vida corporativa.
Toda empresa é composta de seres humanos, um capital intangível e extremamente valioso, o verdadeiro diferencial das corporações. Pessoas devem não apenas conviver superficialmente no ambiente corporativo, mas criar relacionamentos produtivos e coesos, somando projetos, soluções, ideais, princípios, talentos, habilidades e valores, de forma que unidos, possam completar-se mutuamente e produzirem cada vez mais e melhor. 🙂

Gostou do conteúdo? Compartilhe e Siga-nos!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram