Receba novidades no e-mail

CONTEÚDO VIP

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!
O que deve ser feito para vencer a autossabotagem?

O que deve ser feito para vencer a autossabotagem?

Sabe quando você tem aquela sensação de que não está avançando ou que está emperrando sempre no mesmo ponto? É hora de redobrar atenção para perceber se a autossabotagem não está minando o seu desempenho profissional ou acadêmico. O alerta é ainda maior porque, muitas vezes, esse comportamento ruim, não deixa rastro e, sim, consequências, para sua vida.

Um estudo divulgado pela Universidade de Scranton, na Pensilvânia (Estados Unidos), constatou que 75% dos entrevistados perdem o entusiasmo para cumprir as metas do Ano Novo logo após as duas primeiras semanas de janeiro (sim, você leu certo: primeiros 15 dias do ano!). E pior: somente 8% dos pesquisados afirmam honrar o que prometeram na noite de Réveillon. Entre os motivos, aparecem a falta de planejamento, ausência de comprometimento e desmotivação.

Muitas dessas consequências podem ter origem justamente na autossabotagem, um comportamento que causa estragos e que você (talvez) esteja carregando sem perceber o impacto disso. Listei aqui alguns sintomas para ajudar a identificar esse péssimo comportamento e, claro, trago recomendações para tirar esse peso das suas costas:

As (benditas) frases prontas

Você pode contar com a ajuda de um amigo (ou da sua memória) para identificar esse sintoma da autossabotagem. É bem simples: repare aquelas frases prontas que você incorpora quando está diante de desafios no campo pessoal ou no escritório. “Eu não vou conseguir…” Ou ainda: “Será que isso é para mim?”. Essas frases são clássicas e podem significar a externalização de um sentimento de fraqueza que você carrega e sequer tenha notado ainda.

Comportamentos repetitivos

Sabe aquele arrependimento que bateu depois de passar o fim de semana (inteiro) no sofá? Normalmente, essa culpa é seguida de um compromisso: “Semana que vem será diferente…”. E chega o sábado e… nada feito! Pois bem: essa é outra consequência que você pode perceber a partir de uma avaliação mais apurada.

Trago aqui uma recomendação, caso você não seja daquelas pessoas atentas aos vícios da sua rotina: reserve um espaço (pode ser um bloco, um caderno ou mesmo num aplicativo de celular) para descrever as atividades que realiza na semana. É como se fosse um diário mesmo. Depois, ao analisar suas anotações, terá mais facilidade para identificar comportamentos que você tem tido e que não gostaria de ter. Adendo: esse péssimo hábito também tem um pezinho (ou os dois pés) na procrastinação. Muito cuidado!

Trabalhar contra o (próprio) pensamento negativo

Talvez estamos diante de uma das mais desafiadoras causas da autossabotagem. A nossa própria mente pode ser a armadilha que nos impede de avançar. Como? As experiências negativas que tivemos em alguma circunstância pode, de maneira inconsciente, impedir que sejamos mais audaciosos ou arrisquemos mais.  Além disso, a neurociência também enfatiza o quanto a nossa linguagem é totalmente influenciada pelos nossos pensamentos (sejam positivos, sejam negativos). Por isso, cultive boas leituras, boas amizades, procure novas ideias e, enfim, oxigenize o cérebro para sempre estar em dia com a vida.

Alcançar objetivos

Busque sempre motivação no que faz

Afaste de si a ideia de que as extraordinárias conquistas da vida estão relacionadas somente com o sacrifício. É muito comum ouvirmos: “Para ser bem sucedido no trabalho, é preciso abrir mão da vida pessoal ou amorosa…”. Esse paradigma, em si, já carrega uma força que não agregará em absolutamente nada (e está bem próximo da perigosa zona de conforto). Quando pensar dessa maneira, opte por mirar o objetivo porque trabalha ou estuda. Isso dará um gás para seguir em frente, pode ter certeza.

O que você tem feito para eliminar a autossabotagem de dentro de você? Ficaremos bem felizes de saber! Compartilhe sua opinião nos comentários abaixo 🙂

3 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. *

*

Scroll To Top