Receba novidades no e-mail

CONTEÚDO VIP

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!
Linkedin: construindo uma rede de relacionamentos para o seu sucesso profissional

Linkedin: construindo uma rede de relacionamentos para o seu sucesso profissional

O Linkedin pode não ter um alcance e poder de penetração como o Facebook, mas a rede social é extremamente importante e muito eficaz para construir e manter redes de contatos profissionais. A plataforma apresenta muitas vantagens tanto para o profissional, quanto para a empresa.

Contudo, é claro que existem estratégias específicas que se aplicam a cada um desses dois tipos de público. No entanto, ambos cenários buscam algo em comum: estabelecer uma boa rede de contatos e que gere bons frutos e resultados.

Construindo seu perfil no Linkedin

Primeiramente, antes de colocar o seu perfil no ar, não se esqueça que a dinâmica de interação (desde tipos de posts e compartilhamento de dados, etc.) não segue os padrões do Facebook, porque no Linkedin o foco é outro. Portanto, nada de fotos informais ao lado dos amigos, viagens e postagens polêmicas, não se esqueça, o seu perfil é – de certa forma –  sua página profissional.

A sua foto não precisa extrapolar o nível de seriedade, pode postar uma imagem em que você sorri, aqui não se trata de fotos para o passaporte ou carteira de habilitação, apenas, não abra mão do bom senso, certo? Outro detalhe, procure adicionar, além de colegas de trabalho, pessoas da sua mesma área de atuação, o que pode ser interessante para fortalecer sua rede de contatos. Então, nada de mandar mil convites aleatórios.

Oportunidades profissionais

Saiba que o Linkedin hoje conta com milhões de usuários em todo o mundo e no Brasil a adesão à rede social – de certa forma- é bastante significativa. A página também possui seção exclusiva para oportunidades profissionais, na qual você pode se candidatar às vagas disponibilizadas pelas empresas, há opções para pacote gratuito e pago.

Outra situação bastante frequente, é receber mensagem de algum recrutador interessado em suas habilidades profissionais, isso acontece bastante – pois as empresas utilizam a rede social para encontrar candidatos. Então, claro, que manter a sua página atualizada e completa faz toda a diferença, pois perfis completos com as informações sobre carreiras, habilidades e exemplos de trabalhos, se destacam na multidão.

A assistente social Luara Silva confessa que nunca se interessou em manter um perfil no Linkedin, mas soube através de uma amiga que havia uma vaga que poderia ser interessante para ela. “Eu nunca mantive foco nesse tipo de plataforma, mas resolvi me cadastrar e me candidatei à vaga. Não fui contratada, pois precisavam de alguém com outro perfil, mas valeu a pena a experiência e acho que deixei as portas abertas.”.

linkedin2

Página da Empresa

A plataforma é essencial para qualquer empresa que deseja ampliar a rede de contatos e manter-se engajada sobre tudo que se relaciona à sua área de atuação. Bom, sem mencionar que a página é útil para encontrar bons candidatos a vagas e também divulgar parte do trabalho da empresa.

As páginas mais engajadas e populares na rede contam com milhares de seguidores, desde funcionários a interessados no produto, ou mesmo, aspirantes a cargos no grupo. Nesta página, é possível ainda compartilhar notícias e conteúdo sobre a empresas (ações, novidades, etc.). É importante publicar sempre conteúdo, mas não apenas texto, é interessante – por exemplo – fazer uso de fotos e vídeos.

Postagem de artigos na rede

Um recurso bastante utilizado pela empresa e também pelos perfis de pessoa física é a publicação de post. O Linkedin disponibiliza um publicador com ferramentas fáceis para incluir texto e publicá-lo no site.

Essa seção é uma boa alternativa de engajamento e divulgação, hoje em dia, muitas empresas acompanham as publicações de seus contatos na rede social. O Linkedin não é mais aquela plataforma apenas focada em emprego, mas a página é um sistema cada vez mais voltado a interações e construções de redes contatos potentes e eficazes para os cadastrados.

Bom, antes de postar o seu primeiro artigo na plataforma, pense em temas que podem ser atraentes para a sua rede de contatos e que gere audiência e, isso, pode render “bons frutos” para você. A linguagem usada precisa ser compatível com o seu nicho de atuação, embora, formalidade e informalidade em excesso não sejam apropriadas, aqui, mais uma vez – vigora o famoso “bom senso”.

Outro detalhe, não esqueça de imagens e capriche também num título interessante, claro e objetivo. Essa é uma parte muito interessante, pois essa chamada é o que pode ou não atrair a atenção dos milhões de usuários da plataforma.  Após publicar o texto, compartilhe o conteúdo em sua rede. Inclua sincronização com Twitter, dessa forma, o post também é publicado na plataforma.

O que você deve evitar no Linkedin

Bom, já que tratamos sobre a importância dessa rede social para profissionais e empresas, é essencial também listar algumas questões que devem ser evitadas. Por exemplo, perfis sem foto e com pouca informação sobre a sua carreira não são atraentes.

Outra questão bastante comum, é entrar em contato com diretores das empresas para enviar currículo e se oferecer para futuras vagas, nem todo executivo vai gostar dessa abordagem – em todo caso – é melhor evitar. O ideal é seguir a página da empresa e grupos relacionados à marca, os quais podem divulgar vagas.

Na descrição de suas experiências profissionais, seja objetivo e claro, nada de textos gigantescos e, nem mesmo, descrições “minúsculas”. Informe sobre as principais atividades e dados que considera importantes, quanto à sua experiência.

Não esqueça também de citar cursos, formação acadêmica e idiomas – todas essas informações são essenciais para manter um perfil campeão, além de links com demonstrativos de seu trabalho (portfólios, textos, etc.). E se você fez algum trabalho social ou voluntário, saiba que muitas empresas apreciam essas experiências.

Para as empresas, é importante publicar conteúdo relevante e se atentar se as informações estão atualizadas. Outra dica útil, de acordo com conteúdo do “UOLHOST”, é manter interação com o seu público, isso significa criar grupos, os quais a empresa pode manter contato direto com os clientes. Bom, mas não adianta criar esses grupo se não há interações e informações atualizadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. *

*

Scroll To Top