Receba novidades no e-mail

CONTEÚDO VIP

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!
Como vencer a timidez e falar em público sem medo?

Como vencer a timidez e falar em público sem medo?

Falar em público está entre as causas mais comuns dos famosos friozinhos na barriga. Vamos combinar que não é uma atividade das mais fáceis, mas ela está no dia-a-dia de muita gente: seja uma apresentação profissional para seus gestores ou, ainda, em sala de aula durante o semestre, ou quem sabe, diante de uma banca para defender seu Trabalho de Conclusão de Curso. 

O fato é que como em todo medo esse também pode ser vencido com treinamento e muita disposição. Pensando nisso, pesquisei bastante para traçar um passo-a-passo que o ajude a desenvolver a auto-confiança e a colocar a timidez de lado. Quer ver só?

  • Informe-se sobre detalhes: antes de qualquer coisa, conheça para qual público você falará, quanto tempo terá e quais recursos estarão disponíveis (data show; televisão, etc). Conhecendo bem essas informações, será mais fácil estabelecer um planejamento a ser seguido. Esse passo é importante para desenvolver a auto-confiança, característica fundamental para vencer sua timidez e evitar que ela seja um medo paralisante.
  • Pesquise e leia muito sobre o tema: para dar mais confiança na sua apresentação, esteja por dentro do assunto com propriedade. Leia bastante (não basta uma busca rapidinha só no Google, não!). É preciso que você tenha bastante informações que o ajudarão a estar por dentro do tema, fortalecendo seu entendimento, ampliando seu vocabulário. Pode parecer que não, mas conhecer em profundidade o assunto a ser exposto é meio caminho andado para desenvolver sua confiança.
  • Faça um roteiro: com as informações em mãos, estabeleça um roteiro em tópicos, com os principais pontos. Se possível, compartilhe com quem encomendou a apresentação, para certificar-se se está dentro da expectativa. Essa etapa inicial contribui para evitar que pedidos de última hora (ou informações que você receba na véspera da explanação) mudem seu foco e, consequentemente, possam abalar sua confiança no material pesquisado.
  • Faça um treino: para vencer a timidez de falar em público seu mantra deve ser a palavra “treino”.  Por isso, após pesquisar bastante e preparar a apresentação, faça um treino com uma pessoa para que dê um feedback a você. Caso não seja possível, você pode fazer um teste diante de um espelho ou, ainda, gravar em vídeo por celular. Lógico que é uma sensação diferente do ambiente lotado, mas já dá uma perspectiva bem melhor do desafio que será enfrentado.
  • Revise um dia antes: para evitar recorrer às anotações momentos antes da apresentação, dê uma boa revisada no dia anterior. Lembre-se de ter um roteiro em mãos para o momento da sua explanação (para não confiar somente na sua memória). Repassar as telas (se forem usados slides) é um elemento importante para certificar-se que não passou nenhuma falha e, ainda, uma boa garantida durante a sua fala.
  • Mantenha tranquilidade momentos antes: controle a ansiedade antes da apresentação. É natural surgir o frio na barriga nesses momentos. Uma boa pedida é desenvolver exercícios de respiração, para oxigenar o cérebro e manter a calma. É um momento para você tranquilizar e não ficar recorrendo de maneira desordenada ao papel, o que só poderá deixá-lo ainda mais ansioso. Lembre-se: se você cumpriu as etapas anteriores, está bem preparado!
  • Uso o tom de voz a seu favor: é bem comum que a pessoa que tenha timidez de se expressar em público, fale em tom baixo. Por isso, nada de exageros: não se deve gritar nem falar baixo. Module seu tom de voz para despertar a atenção do público. Enquanto estiver falando, olhe nos olhos dos que estão na plateia. Outra recomendação válida é uma pitada de humor (sem exageros, é claro).
  • Lembre-se do gestual leve: pode ser comum também a pessoa que fala em público segurar papel nas mãos ou querer ler tópicos, por insegurança. Nesses casos, deixe próximo de você as anotações, mas evite segurá-las. Não fazer gestos bruscos com a mão o ajudará a manter a atenção no foco da sua fala (e não em você).
  • Seja você mesmo: fale com naturalidade, sem tentar impressionar. A melhor maneira de encantar sua plateia é sendo você mesmo. Por isso, nada de querer usar palavras difíceis ou demonstrar um conhecimento. A simplicidade e a fala tranquila são dois requisitos capazes de criar as melhores impressões.
  • Nada de comparações: é bem comum também que, ao receber a incumbência de falar em público, logo fazemos a associação com outras pessoas que possuem desempenho excelente nessa tarefa. É necessários nos fixarmos nos bons exemplos,  sim, mas sem nos cobrarmos de maneira excessiva para sermos iguais a eles. Esse sentimento exagerado em nada contribui na nossa preparação de falar em público.

A você que está se preparando para esse desafio de falar em público, trago essas palavras do escritor Paulo Coelho: “Imagine uma nova história para sua vida e acredite nela”. Cuidado com a autossabotagem! Você é capaz de alcançar qualquer vitória, desde que se dedique a ela.

Gostou das recomendações? Receba outras dicas para desenvolvimento profissional, continue acompanhando as atualizações aqui do Blog. Fique à vontade para deixar suas considerações nos comentários abaixo. Até a próxima!

3 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. *

*

Scroll To Top