Receba novidades no e-mail

CONTEÚDO VIP

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!
A relação entre a mente e o aprendizado

A relação entre a mente e o aprendizado

É muito comum ouvir e mencionar que a mente tem suas complexidades e, de fato, trata-se de um campo com demanda para ser explorado. As pesquisas recentes não conseguem decifrar, ainda, os enigmas relacionados a esse “mundo estranho”. Frequentemente, estudos científicos trazem questões, até então controversas, ou mesmo, conceitos que ganham validação. Em todo o caso, onde pode-se se encaixar o aprendizado, em meio ao complexo mundo da mente? Em tudo, praticamente, pois em termos de conceito, mente quer dizer pensar, raciocinar e entender. Em consequência dessas equações, voilà, tem-se o aprendizado.

Em linhas gerais, o aprendizado apenas ocorre quando a mente está “disposta” ou “treinada” para assimilar todas as informações. E em se tratando dessa geração invadida pelas novas tecnologias, o grande desafio é aproveitar da melhor forma e filtrar o turbilhão de informações que chegam a todo instante, por meio da internet, essencialmente. Claro que não é uma tarefa simples.

Cuidar da mente, aprender

Existem muitas técnicas e ferramentas que podem ser extremamente eficazes para estimular, exercitar a mente e favorecer o aprendizado. Muitas delas são práticas bastante comuns ao longo da história da humanidade, como a leitura, por exemplo. Ler, sem dúvida, não deixa de ser um exercício potente para a mente.

Já percebeu que quando se trata de uma leitura que desperta interesse, a medida que se lê os parágrafos e os assimila, você os compreende, mas ao mesmo tempo busca outros repertórios que comprovam, concordam ou discordam das ideias propostas? Imagine que em meio a todo esse processo, é como se o seu cérebro e mente estivessem em uma academia de ginástica. Aproveitando, vale destacar que os exercícios físicos também são importantes para a manutenção de uma mente saudável.

Outra técnica importante para revigorar a mente é exercitar a memória. Potencializar a capacidade de memorização pode ser feita por meio de jogos, ou mesmo, apenas relembrar fatos, questões históricas, sociais ou demandas e prioridades de rotina. Quando surgir, por exemplo, uma reunião de trabalho importante, procure estabelecer mentalmente tópicos/temas primordiais a serem discutidos, segundo informações de artigo publicado pelo site “Universia”.

A jornalista Alice Ferreira afirma que quando tem alguma sugestão de pauta ou tema de artigo para o portal que trabalha costuma memorizá-los, para discuti-los com os editores nas reuniões. “Eu tinha o hábito, muito comum na profissão, inclusive, de anotar num bloco de notas todas os temas e ideias para textos. Certa vez, soube que tentar memorizar é uma ótima medida para exercitar o cérebro e mente. No início, claro que tive dificuldade, a gente se acostuma com o aparato [no caso o papel]. Mas digo uma coisa, é perfeitamente possível trabalhar esse lado da mente/memória”.

Cérebro, mente e aprendizado

Para entender um pouco como funciona a mente, é interessante tentar compreender alguns meandros que envolvem um campo de extrema complexidade e fascínio: o cérebro.  São várias as pesquisas e estudos que desvendam mistérios relacionados ao cérebro humano, um deles, inclusive, divulgado em 2014, menciona que apenas os humanos possuem o polo lateral frontal do córtex pré-frontal. A pesquisa foi feita por cientistas britânicos, segundo reportagem do “UOL”. Na prática, essa região é a responsável pelo raciocínio e tomada de decisão.

Neste caso, não é difícil concluir que se trata de um traço que diferencia os homens de outros seres vivos do planeta Terra, não? Sim, o processo cognitivo (raciocínio) é o fator que torna os seres humanos tão complexos. Dessa forma, é importante ressaltar que a área também é primordial, no que se refere à reflexão, o que ajuda a estimular o aprendizado. Então, cérebro, mente e aprendizado formam uma equipe e tanto. Alguém dúvida?

Sobre Leticia Veloso

Jornalista com passagens pelo Grupo Folha e Grupo RBS. Também é professora de atualidades da Nova Concursos.

2 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. *

*

Scroll To Top