Receba novidades no e-mail

CONTEÚDO VIP

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!
A motivação e sua importância para transformar grupos em equipes

A motivação e sua importância para transformar grupos em equipes

A motivação é o carro-chefe de qualquer ato bem sucedido. Seja este ato referente ao trabalho, à vida pessoal ou à empresa em que se atua. Para tudo que tem por finalidade o sucesso, a motivação se faz necessária. Ela é o que está implícito na própria palavra: o motivo necessário a uma ação (motivo + ação).

Trabalho em equipe

Hoje em dia, não há empresa ou instituição que não busque um trabalho corporativo. É indiscutível o sucesso do trabalho coletivo. Muitos apontam para o mundo globalizado e para a sociedade formada por clientela cada vez mais exigente e afirmam que só o trabalho em equipe pode trazer resultados positivos. Estes apontam para um trabalho que vai além de apenas cumprir tarefas em grupo.

Mas qual será a melhor forma de uma empresa alcançar sucesso? Seria através do trabalho em grupos ou em equipes? Afinal existe diferença entre eles?

Equipes ou Grupos – Eis a questão!

Talvez você não tenha percebido mas há diferença entre grupos e equipes. Os grupos são formados por aglomerado ou associação de pessoas que têm em comum uma mesma finalidade. Mas é apenas isto. Nos grupos não se estabelece a relação de interdependência. Individualmente tentam realizar sua parte atribuindo pouca importância ao trabalho do outro.

Quer um bom exemplo de grupo?

Várias pessoas juntas que esperam em um ponto o ônibus para o mesmo lugar. Todos vão para o mesmo lugar e ocuparão o mesmo meio de transporte – São os únicos pontos comuns a todos.

No entanto, são pessoas com objetivos de vida diferentes, que se conhecem superficialmente. Não complementam ideias uns dos outros. Estão juntos mas ao mesmo tempo sozinhos. Cada um é por si. Enfim, não são uma equipe.

A Equipe

Uma equipe compartilha ideias, pensamentos, dificuldades, emoções, erros, acertos e … finalmente o sucesso.

Eis a cabal diferença: – uma equipe trabalha junto. Pensa junto. Eles sabem que o fracasso de um será o fracasso de todos. Por isto se apoiam, se sustentam. Todos conhecem os objetivos e avançam em uma só direção. Uma equipe é corresponsável pelo trabalho a ser realizado. Age como um time.

As equipes precisam de motivação para se tornarem de alta performance

Por tudo isto, já dito acima é que muitas empresas, visando maior produtividade e sucesso se empenham para transformar grupos em equipes. O mundo do trabalho e dos negócios acenam para a necessidade de equipes de alta performance.

A equipe de alta performance é aquela que atua desempenhando com excelência seu trabalho. E um fator primordial para a formação desta equipe é a motivação.

Motivar é como dar corda à engrenagem dos relógios. O tic-tac aumenta, a hora acerta, o ritmo se equilibra. A motivação tende a melhorar o comprometimento e consequentemente o desempenho. Equipes bem motivadas geram bons resultados. A motivação vai além de distribuir elogios.

A motivação é importante na transformação de grupos em equipes porque:

  • Leva à autoconfiança.
  • Incentiva o entrosamento
  • Induz a complementariedade dentro da equipe.
  • Eleva a autoestima e o desejo de crescer.
  • Provoca a definição de novas estratégias para vencer desafios.
  • Por fim, a motivação transforma compromisso em paixão.

Portanto, é assim que se transforma um grupo em equipe.

E tal ação nos remete ao pensamento do ex-jogador de basquete Michael Jordan, atual bilionário americano, segundo a revista Forbes:

” Ganhamos partidas com talento. Mas é com trabalho de equipe, paixão e inteligência, que ganhamos campeonatos”.

3 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. *

*

Scroll To Top